Na última segunda-feira, 26/08, aconteceu mais uma exibição dos Relatos do Front.

Dessa vez, foram 60 alunos da Escola de Ciência Política que compareceram ao auditório Vera Janacópulos para assistir ao filme e participar de um debate com o diretor Renato Martins e os professores Felipe Borba e Fabrício Pereira da Silva.

Impactados pelo documentário, os alunos compartilharam suas experiências próprias de convivência com a violência e situações de vulnerabilidade.

Ao ressaltar a diversidade de visões expostas no filme, o professor Fabrício Pereira da Silva perguntou ao diretor Renato Martins por que com tanto conhecimento produzido pelas Universidades, institutos, polícia e especialista, ainda vivenciamos essa tragédia cotidiana na Segurança Pública.

Renato diz que tanto na preparação do filme quanto nas entrevistas pôde perceber que existiram e ainda existem boas iniciativas, mas que não há continuidade devido à questão política, de autoridades que preferem operações espetaculares e inócuas a trabalhos mais sérios, porém com menos visibilidade.

Ao final do debate, Renato Martins foi amistosamente provocado pela montadora de cinema Carol Carpinteiro, que disse que de apesar de impactada pelas imagens e relatos, jamais poderia dizer que tinha gostado do que viu, de tão grande que era o drama que saltava da tela.

Renato respondeu “o Relatos do Front fala sobre uma tragédia que a gente vive há muitos anos, esse filme nem deveria existir, mas a realidade chama a discutir sobre tudo isso”.

All Posts
×

Almost done…

We just sent you an email. Please click the link in the email to confirm your subscription!

OK